Seguro aluguel: um guia prático para você conhecer o seguro fiança locatícia

Seguro Fiança

Quer saber como alugar sem precisar de fiador ou caução? Saiba mais sobre o seguro aluguel e veja como contratar!

Escrito por: Raquel Barbosa - atualizado em: 23/06/2024

Para ter mais proteção na hora de alugar um imóvel, existe o seguro aluguel (ou seguro fiança). Trata-se de uma ótima garantia para ambas as partes. Afinal, com as imobiliárias online e os sites de anúncio de residências, alugar um imóvel está se tornando cada vez mais fácil, principalmente no que diz respeito à transparência do contrato.

Contudo, mesmo com essa facilidade, locadores e locatários devem se preocupar com a segurança do contrato de aluguel estabelecido. Além da segurança, o seguro aluguel é uma opção para quem não possui fiador disponível e precisa assumir a responsabilidade do contrato de forma independente.

Sendo assim, abaixo, explicaremos de forma detalhada o que é o seguro aluguel, como funciona e empresas que oferecem esse tipo de serviço. Continue no texto!  

O que é seguro aluguel?

O seguro aluguel, também conhecido como seguro fiança, é um seguro utilizado em contratos de locação de imóveis. Ele é um dos tipos de garantia contratual que oferece a segurança do locador, sendo uma opção para quem quer alugar sem precisar de fiador ou caução.

Então, veja alguns exemplos mais comuns de coberturas do seguro aluguel: 

  • pagamento do aluguel em caso de atraso: garante o aluguel em dia mesmo se o locatário deixar de pagá-lo;
  • pagamento de encargos: além do aluguel, o seguro pode cobrir encargos e taxas relacionadas a moradia e condomínio;
  • cobertura contra danos ao imóvel: em algumas apólices, o seguro pode cobrir danos de pequenas reformas e pintura;
  • multa por rescisão contratual: em caso de rescisão antecipada do contrato de aluguel pelo locatário, o seguro pode cobrir essa penalidade.

Como funciona o seguro fiança locatícia?

O seguro fiança locatícia funciona da seguinte forma: o locatário interessado entra em contato com uma seguradora que ofereça esse tipo de serviço e contrata uma apólice de seguro.

O valor do seguro é calculado de acordo com o preço do aluguel e outras condições, como o perfil geral do contratante. Em caso de inadimplência, a seguradora irá ressarcir o locador com os valores necessários. 

Para quem o seguro aluguel é indicado? 

O seguro aluguel é indicado para locatários que querem mais independência no processo de locação, sendo uma maneira cumprir as obrigações contratuais sem precisar de um fiador. Aliás, é uma boa opção para quem mora longe de amigos e familiares ou, simplesmente, não quer impor obrigações financeiras para terceiros.

Além disso, esse serviço também é uma opção para locadores que querem garantir que estão assinando um contrato de confiança, com a segurança de que as obrigações financeiras serão pagas em dia, mesmo em casos de inadimplência ou atrasos por parte do locatário.

Além disso, imobiliárias e locadoras de imóveis também podem contar com o seguro aluguel como forma de simplificar as transações, deixando o contrato ainda mais transparente e seguro para ambas as partes.

Não tenho fiador, é melhor seguro fiança ou caução?

A escolha entre seguro fiança ou caução depende muito das preferências individuais. Também deve-se considerar qual a necessidade do aluguel, principalmente nos casos em que o inquilino precisa do imóvel com urgência, relembrando que o seguro é mais burocrático.

Veja as características gerais de cada opção:

Seguro fiançaCaução
é possível dividir o valor em parcelas mensais;não requer obrigações mensais;
ideal para não possui uma quantia de dinheiro reservada;o valor do montante deve ser pago em uma única parcela;
é mais burocrático, demandando mais tempo na contratação.há possibilidade do valor ser ressarcido ao fim do contrato de aluguel.

As principais vantagens do seguro fiança são não precisar de um fiador e também a possibilidade de dividir o valor, nos casos em que a pessoa não possui uma quantia de dinheiro reservada. Em contrapartida, uma desvantagem é ter um custo mensal adicional somado às obrigações mensais de uma casa, como aluguel, condomínio, contas de consumo, dentre outras, o que pode pesar no orçamento em alguns casos.

Já o caução é um depósito de segurança feito no início do contrato que é pago apenas uma vez, ou seja, não possui obrigações mensais como no seguro. Além disso, existe a possibilidade desse valor ser ressarcido ao fim do contrato de aluguel, dependendo da imobiliária e tipo de contrato, sendo um ótimo tipo de garantia para as duas partes.

Como fazer um seguro aluguel? 

O primeiro passo é procurar uma seguradora confiável que ofereça esse tipo de produto e que tenha um preço adequado para seu orçamento. Após isso, entre em contato com a seguradora escolhida e solicite uma cotação, que será feita com base em informações como o valor do aluguel, o tipo de imóvel e o período de locação. 

Com suas informações em mãos, a seguradora irá avaliar o risco e poderá solicitar documentos adicionais, como comprovantes de renda ou histórico de crédito para determinar sua elegibilidade, assim como outros dados básicos, como:

  • documento de identificação (RG);
  • CPF;
  • comprovante de residência;
  • contrato de locação do imóvel;
  • ficha cadastral da imobiliária/proprietário;
  • valor do aluguel e encargos (condomínio, IPTU, etc.).

Assim, após completar a avaliação, a seguradora analisa se irá aprovar ou não. Se sim, ela fornecerá sua proposta de seguro aluguel com detalhes sobre coberturas, condições, prêmios e outros termos. Então, após o pagamento do prêmio (parcelas), a seguradora irá emitir a apólice oficial do contrato, que é o documento que determina os termos, condições e valores do seguro.

Quem paga o seguro aluguel? 

O seguro aluguel pode ser pago tanto pelo locatário quanto pelo proprietário, pois essa decisão é acertada no contrato. Na maioria das vezes, o inquilino é quem fica responsável por fazer a contratação e pagar o prêmio do seguro como parte das suas obrigações acordadas no momento da contratação.

Mas existem alguns casos nos quais o proprietário fica responsável pelo pagamento e o valor é incluso ao aluguel, diminuindo as burocracias para o inquilino e tornando o processo mais rápido.

Quanto tempo dura? 

Geralmente a apólice dura de acordo com o tempo do contrato de locação, podendo se estender caso o contrato seja renovado. Mas, caso termine antes do tempo, é necessário contatar a seguradora para entender quais são os procedimentos para cancelar o seguro.

Quando acionar o seguro fiança?

O seguro fiança pode ser acionado em diversas situações, a depender da cobertura da apólice. O principal uso é para casos em que o inquilino deixa de pagar o aluguel. Mas, também pode ser útil em caso de inadimplência a outros encargos do contrato (condomínio, IPTU), danos à estrutura do imóvel, quebra de contrato e até mesmo morte do locatário.

Onde contratar o melhor seguro aluguel?

Veja as principais seguradoras que oferecem seguro aluguel:

1. Seguro Aluguel Porto Bank

A Porto Seguro é uma das maiores seguradoras nacionais e oferece apólices para diversos tipos de serviço, como seguro auto, seguro residencial, seguro viagem e seguro fiança. O Seguro Fiança Aluguel Porto Seguro não só garante a segurança do contrato, mas também a facilidade e rapidez no processo, auxiliando com descontos em transportadoras, parcelamento de aluguel e outras garantias.

Além disso, para o proprietário, oferece mais transparência com o acesso aos pagamentos pelo app, serviços de assistência ao imóvel e garantia de pagamento.

Veja as principais coberturas oferecidas:

Básica
– aluguel e multa por atraso: até 30 vezes o valor do aluguel.
Adicionais
– condomínio: Até 30 vezes a verba declarada na apólice;
– IPTU: Até 30 vezes a verba declarada na apólice;
– danos ao imóvel: Até 6 vezes o valor do aluguel;
– pinturas internas e externas: Até 3 vezes o valor do aluguel;
– multa por rescisão contratual: Até 3 vezes o valor do aluguel;
– água: Até 6 vezes o valor declarado na apólice;
– luz: Até 6 vezes o valor declarado na apólice;
– gás canalizado: Até 6 vezes o valor declarado na apólice para cada item.

2. Seguro Aluguel Itaú

O Seguro Fiança Locatícia do Itaú é um dos serviços do Itaú Seguros, que também se destaca no mercado não só pela popularidade, mas também pelo atendimento.

O seguro aluguel do Itaú, portanto, é feito para quem dispensa o fiador e pagamento de caução, além de cobrir os encargos mais comuns e possuir assistência 24h para vários tipos de casos.

Veja as coberturas:

Básica
– pagamento do aluguel e multas por atraso.
Adicionais
– encargos ;
– pinturas;
– multa por Rescisão Contratual;
– danos ao imóvel.

3. Seguro Tokio Marine Aluguel

A Tokio Marine possui uma extensa gama de produtos no ramo de seguros e atua em diversas regiões do Brasil. Assim, o Seguro Fiança Tokio Marine oferece assistência 24h em serviços residenciais, além de possuir 3 tipos de coberturas: básica, intermediária e completo.

Veja mais detalhes sobre as coberturas:

Plano básico:
– chaveiro;
– desentupimento;
– eletricista;
– vidraceiro;
– encanador.
Plano intermediário (inclui todos os serviços do Plano Básico mais):
– lubrificação de fechaduras e dobradiças
– revisão de instalação elétrica
– troca de lâmpadas, tomadas e interruptores
– instalação ou troca de chuveiro e torneira elétrica
– verificação de possíveis vazamentos
– fixação de quadros, prateleiras, persianas e varal
– limpeza de caixa d’água de até 3.000 litros
– mudança e remanejamento de móveis dentro da residência
– limpeza de ralos e sifões
– rejuntamento
– substituição de telhas.
Plano completo (inclui todos os serviços dos Planos Básico e Intermediário mais):
– reparo de eletrodomésticos (linha branca);
– reparo de eletroeletrônicos (linha marrom).

4. Seguro Aluguel Too Seguros

A Too Seguros possui mais de 50 anos de atuação no ramo e mais de 3 milhões de clientes assegurados. Aliás, o Seguro Aluguel Too possui coberturas diversas para vários tipos de danos à residência, destacando-se por oferecer serviços variados em assistências técnicas.

Veja a lista:

Básica
Limite de 3 utilizações por ano:
– mão de obra elétrica;
– mão de obra hidráulica;
– chaveiro.
Limite de 2 utilizações por ano:
– quebra de vidros.
Serviços Completos (limite de 1 utilização por ano)
– dedetização
– tubulação de Esgoto e Caixa de Gordura
– substituição de Telhas
– serviços para computadores (Acionamento ilimitado)
– inspeção domiciliar.

Vantagens do seguro locação

Para locatáriosPara locadores
substituição do fiador; contrato de aluguel firmado mais rapidamente;
não necessita de caução; garantia de pagamento;
proteção contra imprevistos; menos burocracia;
mais segurança. mais transparência no contrato.

Vale a pena contratar um seguro aluguel?

Em resumo, vale a pena contratar um seguro aluguel. A alternativa é uma boa opção para quem não possui fiador ou caução, ou apenas quer assumir as responsabilidades do contrato sozinho.

Para o locador, o seguro de aluguel também é benéfico, pois agiliza o processo de contratação e garante não só a segurança de receber os pagamentos em dia, como também auxílio financeiro em casos de danos ao imóvel ou atraso em outros encargos. 

Em contrapartida, uma desvantagem notável é que o seguro aluguel necessita de pagamentos mensais, que podem se tornar um gasto mais pesado em alguns casos e ocupar parte da renda. Portanto, avalie sua situação financeira e reveja suas necessidades pessoais antes de fazer sua escolha.

Procurando um seguro residencial? Veja as opções que o iMelhorSeguro já avaliou:

Perguntas frequentes 

  1. Para quais imóveis posso contratar seguro fiança locatícia?

    O seguro fiança locatícia pode ser contratado para uma ampla variedade de imóveis, incluindo residenciais, comerciais, industriais, rurais e temporários, como casas de veraneio.

  2. Quantos aluguéis o seguro fiança cobre geralmente?

    A cobertura varia de acordo com o plano escolhido. Planos básicos costumam cobrir de 1 a 3 vezes o valor do aluguel, enquanto planos mais completos podem chegar a 30 mensalidades. Assim, as coberturas devem ser adaptadas às necessidades individuais.

  3. Quem faz seguro aluguel?

    Você pode contratar um seguro aluguel diretamente com as seguradoras que mencionamos, como a Porto Seguro, Tokio Marine, Too Seguros e Itaú Seguros, ou por meio de corretores de seguros.

  4. Posso fazer o seguro aluguel com o nome sujo?

    Ter o nome sujo pode afetar a contratação do seguro fiança locatícia, já que muitas seguradoras realizam análises de crédito. Contudo, ainda assim é possível encontrar uma proteção, necessitando avaliar a aceitação da seguradora.